julho 4, 2022

Como trabalhar com Comunicação Interna? Os passos para ser profissional da área

Por Dialog - Time de Conteúdo| 5 minutos
Como trabalhar com Comunicação Interna? Os passos para ser profissional da área

O ato de comunicar, seja dentro ou fora das organizações, é uma grande pegadinha, porque parece fácil… mas não é. Por isso, se tornar uma pessoa comunicadora demanda preparação e planejamento. Quando falamos de como trabalhar com Comunicação Interna, não é diferente.

Isso porque a responsabilidade depositada nesta área impacta diretamente em temas que reverberam nos resultados do negócio, como engajamento, clima e cultura organizacional.

Sendo assim, profissionais de Comunicação Interna precisam saber muito bem como planejar e costurar uma estratégia que impulsione a empresa e mostre seu potencial. 

E como fazer isso? Falaremos sobre isso neste artigo, confira!

Comunicação Interna e pessoas

É importante ressaltar essa conexão antes de qualquer coisa porque o público e a prioridade da Comunicação Interna são as pessoas. Sem elas, não há propósito para a área. 

A partir dessa constatação, é possível desenhar a estratégia e fazer o planejamento de CI.

Ainda não ficou claro? A Dialog explica! Ao compreender que as pessoas (nesse caso, seu público interno) é sua prioridade, a Comunicação Interna deve entender o comportamento dessa comunidade, quais são suas preferências e hábitos para ser coerente nos canais usados, por exemplo.

A empatia deve fazer parte da rotina de qualquer profissional de CI: se colocar no lugar dos colaboradores é primordial para fazer com que as ações e campanhas sejam bem-sucedidas.

Você pode se interessar:

Engajamento e turnover

Ainda falando sobre pessoas, saber como trabalhar com Comunicação Interna pode resultar em maior engajamento e menor turnover (rotatividade). Usamos o termo “pode” porque CI não é a única responsável por isso, mas tem grande parcela no assunto. Isso porque a área é a ponte entre empresa e colaborador.

O potencial da área de CI, quando bem aproveitado, pode engajar profissionais em qualquer lugar: em casa, no escritório, ponto de venda, fábrica, hospitais…

A transparência e honestidade na comunicação gera confiança, que resulta em pessoas mais engajadas e produtivas. Há também a diminuição de espaços para ruídos e fofocas, formando uma base sólida para um clima organizacional positivo. 

O combo engajamento + clima saudável ajuda (e muito!) na retenção de talentos.

Soft e hard skills

Agora que você entende a importância do trabalho da área, é hora de falar como trabalhar com Comunicação Interna. Olhando para quem deseja partir para essa carreira, é preciso se atentar em algumas habilidades comportamentais e técnicas (soft e hard skills, respectivamente) necessárias:

Comportamentais:

  • Conhecer e entender seu público
  • Ter empatia
  • Escuta ativa
  • Curiosidade
  • Colaboração
  • Capacidade de influenciar pessoas

Técnicas:

  • Domínio da língua portuguesa
  • Planejamento estratégico
  • Capacidade analítica
  • Desenvolver conteúdos em diferentes formatos/canais/linguagens
  • Storytelling
  • Gestão de crise

Todas as habilidades citadas têm grande importância no papel de pessoa comunicadora. Sendo assim, caso você queira ou até mesmo já trabalhe com Comunicação Interna e não possui alguma delas, é hora de desenvolvê-la!

Além disso, é preciso pontuar que, assim como em qualquer outra área, a Comunicação Interna está em constante inovação e seu profissional também deve buscar se atualizar: seja em novos tipos de canais, de tipo de linguagem ou discurso.

Isso pode ser feito com cursos, treinamentos e também troca de experiências com outras pessoas que trabalham com CI. Inclusive, esse compartilhamento de vivências é riquíssimo para quem trabalha com comunicação, porque foca na prática, na mão na massa.

Conhecer tendências de mercado, da própria área e o que está sendo feito pela comunicação corporativa fora do país também é valioso e pode preparar para possíveis mudanças no cenário nacional.

Leia também:

Agora que você já sabe como trabalhar com Comunicação Interna, é hora de começar! Pesquise, planeje e lembre-se de costurar a estratégia do seu trabalho e da área como um todo com os objetivos organizacionais. Isso facilita a justificativa de novos investimentos e projetos.

A tecnologia pode (e deve) ajudar todos os passos da trilha do comunicador. Ao escolher ferramentas que otimizem o trabalho e o tempo desse colaborador, é possível investir mais esforços em outras iniciativas e ações que ofereçam, ao mesmo tempo, mais desenvolvimento profissional e impacto nos negócios.

PS: Conheça recursos indispensáveis para times de Comunicação Interna e RH. Com o super app Dialog você agenda conteúdos, segmenta comunicados em poucos passos, analisa rapidamente os resultados e muito mais. Tudo em um único lugar! Fale com representantes Dialog.

Gostou do conteúdo? Quer saber tudo sobre como trabalhar com Comunicação Interna? Deixe seu comentário e continue acompanhando o Blog Dialog

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll to top